Nicolas Mariotti Bindi

Nicolas Mariotti Bindi
Córsega

Formado em Direito, Nicolas estava destinado a fazer uma carreira de advogado, quando a sua bela ilha da Córsega o desviou e repentinamente encontrou o seu verdadeiro destino e sonho: ser um viticultor. Depois deA law graduate, Nicolas was destined to pursue a career as a lawyer, when his beautiful island of Corsica led him astray and suddenly found his true destiny and dream: to be a wine grower. After graduating from Beaujolais and Patrimonio with the pioneers of the region Antoine Arena and Muriel Giudicelli, he had the help of another producer, Orenga de Gaffory to acquire his first 5 ha of vineyards and start producing in 2007.

Today he grows 15 ha of vineyards in the North of the Island, tomorrow in organic farming, with 4 distinct terroirs:

– Mursuglia with a 1-ha vine of Niellucciu (Sangiovese in Italy) and Vermentinu, in a limestone-limestone soil exposed to the east, planted in 2009;

– Porcellese: a 3.5 ha Niellucciu vineyard, planted in 1966 on a land of alluvium and corners with very low yields, was one of the first vineyards acquired

– Lumiu, a Vermentinu vineyard exposed to the south in a clayey-limestone soil

– Carcu consisting of several plots planted in 1970, 1996 and 2009, exposed to the North, which supplies the grapes of the Cantina di Torre wine line.

Like many islanders, he is a boy who has an introverted and wild first approach, a little bear, the warm side loosens after the observation phase, when distrust is eased. He found in the designation of origin Patrimonio a beautiful heritage of vineyards and an area blessed by the Mediterranean and the mountains that surround it, to dedicate himself to producing indomitable and rooted wines like the inhabitants of this island. se formar no Beaujolais e em Patrimonio com os pioneiros da região Antoine Arena e Muriel Giudicelli, teve a ajuda de um outro produtor, Orenga de Gaffory para adquirir os seus primeiros 5 ha de vinhas e começar a produzir em 2007. Hoje cultiva 15 ha de vinhas no Norte da Ilha, amanhadas em agricultura biológica, com 4 terroirs distintos :

– Mursuglia com uma vinha de 1 ha de Niellucciu (Sangiovese em Itália) e Vermentinu, num solo calcário-limonoso exposto a Este, plantada em 2009;

– Porcellese : uma vinha de 3,5 ha de Niellucciu conduzido em vaso, plantada em 1966 num terreno de aluviões e cantos rodados com rendimentos muito baixos, foi uma das primeiras vinhas adquiridas

– Lumiu uma vinha de Vermentinu exposta a Sul num solo argiloso-calcário

Carcu que consiste em várias parcelas plantadas em 1970, 1996 e 2009, expostas a Norte, que fornece as uvas da linha de vinho Cantina di Torre.

Como muitos insulares, é um rapaz que tem uma primeira abordagem introvertida e selvagem, um pouco urso, o lado caloroso solta-se após a fase de observação, quando a desconfiança se atenua. Encontrou na denominação de origem Patrimonio um belo patrimonio de vinhas e uma zona abençoada pelo Mediterrâneo e pelas montanhas que a circundam, para se dedicar a produzir vinhos indomáveis e enraizados como os habitantes desta ilha.

Notre sélection de vins

{{ item.gol_wine_card['type'] }}, {{ item.gol_wine_card['year'] }}

Acheter

Produit ajouté avec succès.