Cappellano

Augusto Cappellano
Piemonte

Cappellano é um nome respeitado no Piemonte por uma sequência de gerações marcantes. Teobaldo, falecido em 2005, de cultura profundamente piemontesa mas muito marcado pela sua infância na Eritreia, deu continuidade quando regressou de África ao trabalho do seu pai, inventor do primeiro Barolo Chinato, feito com Barolo e essências secretas. Teobaldo era uma personagem carismático e militante da zona do Barolo e lutou para o que o vinho não fosse sujeito à banalização comercial e que fosse o fruto da estreita relação entre uma terra, a interpretação dum homem dentro duma história mais colectiva. O seu filho Augusto prossegue esta herança rica e assume responsabilidade de manter o mito, com profundo respeito pelo trabalho do pai mas também afirmando claramente o seu estilo próprio, mais delicado. Augusto é um rapaz muito alto, plácido que pode dar a impressão de ser imune às contingências deste mundo. Humanista, culto, aéreo, deixou o seu laboratório de química na Universidade de Turim quando teve a sua epifania a admirar um pôr do Sol na sua vinha de Gabutti em Serralunga d’Alba. Cultiva 4,5 ha de vinhas plantadas essencialmente com Nebbiolo. Produz 2 Barolos: um chamado Rupestris e outro de Pé franco (quantitade muito limitada) e um pouco de Barbera d’Alba. Mesmo na sua mão que privilegia as extracções suaves e a delicadeza, os vinhos são fieis à fama de Serralunga : taninos muito firmes e aguçados, sempre com uma grande frescura mesmo nos anos quentes, feitos para envelhecer.

Our wine selection

{{ item.gol_wine_card['type'] }}, {{ item.gol_wine_card['year'] }}

Buy

Product successfully added.